O casamento da Jerusa e do Otávio é um daqueles com uma história muito especial e peculiar. A Jerusa me enviou um e-mail perguntando sobre as sombrinhas usadas no casamento de um outro casamento que eu havia feito, eu a respondi e a partir dali não nos desgrudamos mais.

O problema é que faltava pouco para o casamento deles, eu estava com a agenda lotada, no final da gestação eeeee o casamento seria nas Missões (uma distância de cerca de 500km da minha cidade!!!).

Oh céus!!! Mas como não se apaixonar pela Jerusa? Ela e toda sua delicadeza com todos, seu sonho de pensar em cada detalhe do casamento?

Combinamos uma logística diferenciada, foi a primeira vez que eu em pessoa não estaria em um casamento, a minha maravilhosa equipe tomaria conta de tudo lá durante o final de semana do casamento e eu daqui organizaria os preparativos e me manteria em contato durante o grande dia.

Foi um super desafio, apesar de ter sido puxado para as minhas meninas (vocês são as melhores e sei que se dedicam 100%, obrigada!) e termos enfrentado grandes percalços já que a maioria dos fornecedores eram estranhos a nós e já haviam sido contratados antes de eu entrar nessa aventura, foi lindo e valeu cada segundo!!

Vocês já perceberam que a Jerusa foi uma noiva muito especial na minha vida. O bom gosto e a simplicidade dela são encantadores e eu não poderia ser mais feliz com esta parceria.

Tanto a Jerusa quanto o Otávio fizeram questão de acompanhar todos os detalhes e participaram, inclusive, da montagem do local. Cada mínimo detalhe do evento contou com o olhar carinhoso e dedicado deles. Absolutamente nada estava ali gratuitamente. Tudo tinha um significado, um por quê.

O casamento foi feito ao ar livre em uma tarde linda de março. As especiais sombrinhas que nos uniram estavam lá abrilhantando aquela tarde linda. Além disso, havia uma mesa montada com diversas opções de bebidas para amenizar o calor.

O momento mais bacana aconteceu quando a Jerusa veio ao encontro do altar. Tanto ela quanto o Otávio estavam muito emocionados e cercados das pessoas que os amam. O Otávio, aliás, se emocionou em diversos momentos da cerimônia, algo a que muitos noivos não se permitem, mas que é muito bonito e que só demonstra o quanto o sentimento dele pela Jerusa é verdadeiro.

Depois que a cerimônia acabou, eles foram para as ruínas onde fizeram fotos incríveis com o Marcelo Andrade, um fotógrafo fantástico, um amigo querido e um parceiro frequente das cerimônias que organizo. Enquanto isso, os convidados eram recebidos com todo o carinho no salão da festa. A decoração estava a cara da Jerusa. As mesas eram uma graça, desde o jogo americano até os guardanapos que eram ornados com galhos frescos de alecrim, tudo foi pensado para surpreender os convidados e tornar aquela festa incrível.

Quando a Jerusa e o Otávio chegaram ao salão a festa começou de verdade. Com o fim do dia, as velas foram o destaque da iluminação e deram à ocasião um ar intimista e aconchegante que de outra forma não teria sido conseguido em um salão tão amplo e com o pé direito tão alto.

Falando em destaques, o cantinho das lembrancinhas foi um sucesso (a Jerusa produziu cada uma das lindas caixinhas forradas). Além de ter diversos sofás para funcionar com área de descanso, o local tinha uma parede viva toda planejada com tons de verde. Além disso, ali havia diversas fotos do casal e muitas mensagens dos familiares e amigos com desejos de felicidades a eles, o que tornou o ambiente ainda mais acolhedor.

Nesta festa, a animação dos noivos contagiou a todos. Eles foram anfitriões perfeitos e muito carinhosos. Ninguém queria arredar pé do salão. Foi uma daquelas festas incríveis e que não será esquecida. Tanto que no final da festa todos se jogaram na piscina aproveitando o clima e dando boas-vindas a esta nova fase da Jerusa e do Otávio.

A Jerusa foi uma noiva doce e companheira. Esteve envolvida e comprometido com todo o seu coração neste projeto e o resultado é que este será, com certeza, o início abençoado desta nova fase na vida dela com o Otávio.

Para coroar lindamente todo esse processo, depois do casamento, a Jerusa decidiu se jogar de cabeça nesse universo mágico e hoje organiza festas em Santo Ângelo!!!

jerusa-e-otavio-01

jerusa-e-otavio-02

jerusa-e-otavio-03

jerusa-e-otavio-04

jerusa-e-otavio-05

jerusa-e-otavio-06

jerusa-e-otavio-07

jerusa-e-otavio-08

jerusa-e-otavio-09

jerusa-e-otavio-10

jerusa-e-otavio-11

jerusa-e-otavio-12

jerusa-e-otavio-13

jerusa-e-otavio-14

jerusa-e-otavio-15

jerusa-e-otavio-16

jerusa-e-otavio-17

jerusa-e-otavio-18

jerusa-e-otavio-19

jerusa-e-otavio-20

jerusa-e-otavio-21

jerusa-e-otavio-22

jerusa-e-otavio-23